06 de setembro de 1999

Leia também:

Televisão

Mulher
Ione
Globo no mundo
SBT Repórter
Resposta MTV
Jornal do Nenê


Cinema

De Olhos Bem Fechados
Um Plano Simples

Wing Comander - A Batalha Final
Câmera Virtual


Música

Na Pressão
"Eu sou brega, sim"
Belas e Feras


Teatro

Benguelê - Sete ou Oito Peças para um Ballet


Livros

Queimando Tudo
Parques Nacionais Brasil
Achados da Geração Perdida
Com Todas as Letras - O Português Simplificado


Internet

Casseta & Planeta
Princesa Carola

 


Foco

Globo no mundo
A emissora pretende alcaçar 80% dos 2,2 milhões de brasileiros no exterior

Paula Alzugaray


Os brasileiros que moram fora do País já podem se sentir um pouco menos estrangeiros. A Rede Globo acaba de lançar a TV Globo Internacional, um canal via satélite que ficará 24 horas no ar transmitindo a programação da emissora para o resto do mundo. O projeto é ambicioso: alcançar 80% dos 2,2 milhões de brasileiros emigrantes que vivem no exterior. "Vamos levar o Brasil para perto de quem está longe, além de difundir mundialmente nossos valores e identidade cultural", diz Marluce Dias da Silva, diretora geral da Rede Globo.

As imagens são geradas no Rio de Janeiro e ficam disponíveis para os diferentes distribuidores internacionais em um único satélite, o que significa uma mesma programação para os diversos países e problemas com os fusos horários. Assim, para possibilitar que pessoas de diferentes lugares assistam aos programas da Globo em horários viáveis, a grade - formada por 54% de dramaturgia, 20% de shows, 18% de programas jornalísticos e 8% de esportes - teve que ser criada com algumas repetições.

A TV Globo Internacional ainda não tem previsão de estréia na Ásia e na Europa, mas já está à disposição nos EUA e no Japão e, nos países da América Latina, será lançada entre setembro e outubro. (G.M.)

Globo no Mundo
CNT/Gazeta (Quinta, 21h30)